MOSASSAURUS

O primeiro foi encontrado em 1770 por homends que escavavam umaq pedreira à luz de velas. O que els encontraram era o fóssil de uma mandíbula enorme.
A descoberta deu-se no vale do Rio Mosa, na Holanda. Por isso, o animal chamou-se "lagarto de Mosa"ou Mosasaurus, nome que se estendeu à família. O nome de  mosassauros foi dado ao grupo de dinossauros que possuíam, de certa forma,

as mesmas características do Mosasaurus. Foi o cientista francês George Cuvier quem viu que a mandíbula pertencia a uma criatura do mar já extinta. Cuvier foi um dos primeiros a sugerir que a espécie sofrera extinção. Nós agora sabemos que diferentes espécies de animais desapareceram com o correr dos séculos, mas naquela época essa idéia parecia

absurda. Desde a descoberta na Holanda, muitos outros fósseis de mosassauros foram encontrados em todo o mundo.  É provável que os mosassauros tenham imperado no final do período Cretáceo, nos mares de hoje pertencentes à América do Norte, África, Nova Zelândia e Europa. Esses achados, em várias partes do mundo, nos propiciaram uma idéia bastante detalhada de como os mosassauros viviam. O Mosasaurus tinha cerca de 100 vértebras, quatro vezes mais que o homem. Cada vértebra se ligava à outra por meio de uma articulação 

bem flexível, que permitia ao bicho mover-se na água como uma enguia. Feito para viver na água, o Mosasaurus tinha cabeça achatada, pescoço curto, dentes compridos e uma mandíbula especial para engolir peixes grandes. O seu comprimento 

variava entre 3,5 e 9 m. Os maiores atingiam o tamanho de três morsas do Ártico. Como outros da mesma família, o Mosasaurus possuía mandíbulas especiais. No meio da mandíbula inferior havia uma articulação extra. Isso lhe permitia mover o maxilar inferior para os lados, expandí-lo para baixo e assima bocanhar porções a mais de comida. Hoje em dia, as cobras ainda possuem essa mandíbula bem equipada,podendo engolir ratos e 

camundongos de uma só vez. Incrustadas nessas mandíbulas especiais, havia fileiras de dentes curvados para trás e afiados o bastante para triturar um peixe. Dentes que se estragavam eram logo substituídos por outros, como nos tubarões. Em 1982, um estudante inglês encontrou a carcaça de uma criatura do mar em Gâmbia (África), onde passava as férias. Ele a descreveu assim: "Era grande, sem respiradouro (como o das baleias), e seu pescoço não se diferenciava do resto do corpo. Havia duas nadadeiras atrás da cabeça e duas na região pélvica". Como ele não tirou fotos da carcaça, ninguém pôde determinar de que animal se tratava. Mas alguns peritos acham que talvez fosse um mosassauro. 

FICHA   DO  DINOSSAURO
NOME Mosasaurus, que significa "lagarto de Mosa"
TAMANHO Entre 3,5 e 9 m de comprimento
ALIMENTAÇÃO Peixes grandes e alguns outros seres marinhos; e carne de outros dinossauros terrestres
QUANDO
VIVEU
Período Cretáceo, nos mares da América do Norte, África, Nova Zelândia e Europa
dinos aquáticos dinos carnívoros dinos herbívoros dinos voadores
Brasil brasilidade busca coleções curiosidades dicionários
diversão Felipe folclore leis mensagens miscelânea